Município de Feira de Santana sediou o Festival de Quadrilhas Juninas da Região Centro Leste do Estado da Bahia

0
5

O evento foi realizado no dia 29 de junho, no Sesc do Tomba.

O Festival Regional de Quadrilhas Juninas da Região Centro Leste da Bahia, foi realizado no dia 29 de junho, no ginásio do SESC, no bairro do Tomba, em Feira de Santana. A disputa aconteceu entre Quadrilhas Juninas da região, filiadas e convidadas, inscritas para o evento. O regulamento do Festival ficou a cargo da FEBAQ. Cada quadrilha junina realizou uma única apresentação cuja avaliação foi realizada por uma comissão julgadora. As vencedoras receberam troféus e premiações em dinheiro.

O Festival Regional de Quadrilhas Juninas é uma grande ferramenta sociocultural para o público baiano, pois traz aos jovens, crianças, adultos e idosos, a oportunidade de apreciarem e participarem de atividade culturais e socioeducativas em espaços saudáveis e seguros. Entre tantos motivos, o Festival assume um importante papel no desenvolvimento cultural e profissional das Quadrilhas Juninas, com total impacto na economia e no turismo cultural das regiões contempladas. O projeto contribuiu também para a formação de plateia, democratização do acesso ao público, fomento da produção cultural e para o importante intercâmbio cultural entre as Quadrilhas Juninas, ratificando sua importância junto ao público apreciador desse Movimento Cultural.

O concurso Regional de Quadrilhas Juninas de Feira de Santana foi um espetáculo à parte, com muita alegria e animação. A Junina JC de Coité foi consagrada campeã do concurso.

A Quadrilha Junina é uma das manifestações culturais que, cada vez mais, precisa de valorização e investimentos, pela sua popularidade e contribuições nos diversos setores da sociedade em desenvolvimento. Os mais diversos estudos feitos por diferentes instituições, sempre apontam a cultura junina como grande gerador de emprego e renda, seja pela capacidade de agregar valores como importante produto local, seja pela sua preservação, além também da absorção quase que imediata de mão-de-obra e de captação de serviços de economia criativa.

No dia 24 de junho de 2024, dia de São João, a Quadrilha Junina foi reconhecida como manifestação da cultura nacional. A Lei nº 14.900/2024, que torna oficial a decisão, foi assinada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pela ministra da Cultura, Margareth Menezes, e publicada no Diário Oficial da União.

A execução do Festival Regional, conectado diretamente aos Festejos Juninos, mobilizou dezenas de profissionais de comunidades nativas das Quadrilhas, que juntas movimentaram um grande investimento financeiro na construção dos espetáculos que foram apresentados.

O projeto teve realização da ORIKI Produções em parceria com a FEBAQ – Federação Baiana das Quadrilhas Juninas, entidade que representa as Quadrilhas Juninas adultas e mirins em todo território baiano e que tem como proposito único e direto, resgatar, apoiar e divulgar as Quadrilhas Juninas no Estado da Bahia. O patrocínio foi do Governo do Estado da Bahia, através da Superintendência de Fomento ao Turismo – SUFOTUR. Apoio do SESC de Feira de Santana e do Deputado Zé Neto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here